7.1.13

Não gosto de meias curvas. Gosto sim, de curvas inteiras. Só tive uma, e ainda hoje acho que está por terminar. Adorava por-lhe um fim de vez ou então nunca a terminar, mas percorrê-la diariamente de maneira saudável. Infelizmente, nunca acontecerá. É triste de se dizer, ou até mesmo pensar. Acreditem, é mesmo!

1 comment:

nês said...

nada é impossível, as pessoas é que acham que o impossível existe porque nunca tentam o suficiente, desistem muito facilmente, tudo é derrotável, por isso nada disso é impossível, apenas tens de enfrentar, lutar contra o tal designado "impossível"...
segui, adoro o teu blog*